quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

O Jogo do Porquinho


Já não basta saber jogar um jogo de tabuleiro, respeitar as suas regras e saber contar o número de casas que nos manda o dado. Agora é preciso saber inventar um, construí-lo, criar as regras e dar-lhe um nome.
Este chama-se: O porquinho vai ter com o pai e a mãe.
Não é um nome encantador?
Foi construído pelos meninos do Pré-Escolar na Oficina de Actividades Práticas de Matemática, que, sob a orientação da educadora Sãozinha, recortaram, colaram e pintaram o tabuleiro. Agora, é só atirar o dado e jogar, jogar, jogar, porque quando o jogo foi feito por nós dá outro prazer.
Outros jogos já estão em construção e alguns por iniciativa das crianças que os estão a executar sozinhas.
Aguardem que teremos mais novidades.
(Actividade orientada pela educadora Sãozinha)

3 comentários:

M. Jesus Sousa (Juca) disse...

Ficou fantástico... é mesmo assim, construir um jogo é muito mais desafiante do que, meramente, jogá-lo.
Para além de ser uma actividade muito mais rica, que desenvolve o trabalho colaborativo, a criatividade, a resolução de problemas e muito mais...
Parabéns á Sãozinha e aos seus meninos pelo lindo jogo, com um nome ainda mais bonito.

Bjs, Juca e sala Fixe

Maria da Luz Borges disse...

Um espectáculo este jogo. E quando somos nós a construí-lo ainda sabe melhor jogar. Parabéns à Educadora Sãozinha e aos seus alunos!

Anónimo disse...

Obrigado Juca e Luz, realmente este jogo tem sido muito solicitado. O valor das pequenas coisas tem muito que se lhe diga, bjs para vós e vossos meninos e bom trabalho,
Sãozinha